VEJA COMO LUTAR CONTRA PARASITAS COM BOA ALIMENTAÇÃO

Os parasitas, que se alojam principalmente no intestino, são a causa de muitos desconfortos e transtornos de saúde. Embora sejam mais frequentes em crianças, qualquer pessoa pode sofrê-los, e geralmente são transmitidos ao comer verduras mal lavadas, ou pela ingestão de água não tratada ou inclusive por carne não cozida na sua totalidade.

Os sintomas que nos fazem pensar que temos parasitas alojados nos intestinos são: palidez no rosto, anemia, dores de cabeça e no abdômen, cansaço, diarreia, vômitos, coceira na região anal, transtornos do sono, irritabilidade. Claro, que para obter o diagnóstico, devemos realizar um teste de laboratório que verificará a existência de parasitas em nosso intestino.

como-lutar-contra-parasitas-com-a-alimentacao-2-676x288

Alimentos Antiparasitários

Felizmente, a natureza sempre nos ajuda com uma boa saúde e existem muitos alimentos que podem ser incluídos na dieta antiparasitária e que hoje, em Saúde Dicas, vamos detalhar para que você possa levá-los em conta.

O alho é um alimento protetor de saúde, é uma espécie de medicina natural muito potente capaz de matar bactérias e evitar parasitas. Recomenda-se comer um dente de alho cru por dia; para que seja mais rico você pode comê-lo com pão, azeite de oliva e uma pitada de sal, ou misturado na salada. A cebola é outro alimento que devemos incluir neste tipo de dieta.

Outro alimento antiparasitário são as sementes de abóbora devido ao alto teor de cucurbitina, uma substância que tem propriedades vermífugas e é capaz de desprender os parasitas da parede intestinal. As sementes de papaia também desempenham funções semelhantes. Você pode fazer uma infusão fervendo as sementes na água durante um tempo, deixe repousar e depois beba o líquido em jejum.

E, claro, sempre lave muito bem as verduras, especialmente as de folha, já que são a causa da maior parte da transmissão de parasitas. Além disso, sempre devemos lavar as mãos antes de cozinhar e tome cuidado para não misturar carne crua com outros alimentos para evitar a contaminação cruzada.

SAÚDE DICAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *